PUC-SP em Perdizes

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) A Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) é uma das maiores universidades privadas do estado de São Paulo.

É mantida pela FUNDASP - Fundação São Paulo e pela Mitra Arquidiocesana da cidade de São Paulo.

A PUC-SP tem cinco campi: o principal deles, onde funciona a reitoria e a maior parte dos órgãos e dos cursos, está localizada em Perdizes, no centro expandido da cidade de São Paulo.

No bairro da Consolação, funciona o CCET - Centro de Ciências Exatas e Tecnologia, além de algumas unidades dos cursos de pós-graduação; um campus no bairro de Santana, onde está alocada uma parte das vagas dos cursos da FEA - Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Atuária, e ainda o campus de Sorocaba a noventa quilômetros da capital, onde funciona o CCMB - Centro de Ciências Médicas e Biológicas, sendo ministrados os cursos de Medicina, Biologia e Enfermagem além do Hospital Santa Lucinda, de propriedade da universidade.

Em 2007, a unidade Barueri da PUC-SP deverá ganhar o status de campus, com aprovação do MEC para a abertura de graduação, onde deverão ser ministrados cursos ainda inexistentes na universidade, tais como de Educação Física, Gerontologia e Fisioterapia.

Primeira universidade brasileira a escolher o reitor e os demais cargos administrativos por voto direto dos professores, funcionários e alunos, a PUC-SP é uma instituição privada, mantida pelas mensalidades pagas pelos alunos.

O ingresso dos alunos é dado por meio do vestibular, de responsabilidade da Coordenadoria de Vestibulares e Concursos da PUC-SP, que também seleciona alunos para outras instituições além da PUC-SP, entre elas a FAMEMA - Faculdade de Medicina de Marília (instituição pública), a FDSBC - Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo e a FMABC - Faculdade de Medicina do ABC.

A maior parte da produção científica da PUC-SP está voltada para as ciências humanas, em especial as áreas de direito, sociologia, educação e comunicação. De acordo com dados do Censo da Educação Superior, divulgados pelo Inep, 48,3% dos professores da PUC-SP tinham título de doutorado no ano de 2006.

História

Fundada aos 13 de agosto de 1946 pelo cardeal da cúria metropolitana de São Paulo, dom Carlos Carmelo de Vasconcelos Mota, nasceu a partir da fusão da Faculdade Paulista de Direito com a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de São Bento, esta fundada em 1908.

Foi reconhecida pelo Decreto-Lei nº 9.632, de 22 de agosto de 1946 – recebendo o título de Pontifícia em janeiro de 1947 pelo papa Pio XII.

Durante a época da ditadura militar, vários estudantes e professores da PUC-SP participaram de várias manifestações contra o regime, e o então grão-chanceler, Dom Paulo Evaristo Arns, admitiu professores de universidades públicas que tinham sido cassados pela ditadura.
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP)
Nomes como Florestan Fernandes, Octávio Ianni e Paulo Freire, perseguidos pela ditadura militar, passaram a fazer parte do quadro de docentes da universidade. Foi no campus da PUC-SP em 22 de setembro de 1977 que teve local a reunião de retomada da UNE - União Nacional dos Estudantes, outrora fechada pelo regime militar.

Nesta mesma reunião com estudantes de diversas universidades brasileiras, a PUC-SP foi invadida por tropas militares comandadas pelo coronel Erasmo Dias, onde mais de 900 estudantes foram presos.

Em 2006, irrompe uma grave crise financeira na universidade e são feitas demissões de professores e funcionários. Em função da crise, o cardeal Dom Cláudio Hummes, o então grão-chanceler da universidade, nomeia dois interventores ligados à Igreja.

Ex-alunos notáveis

• Marta Suplicy, psicóloga,sexóloga, ex-prefeita da cidade de São Paulo (2001-2005) e ex-ministra do Turismo (formada em Psicologia)
• Antônio Cláudio Mariz de Oliveira, reconhecido advogado criminalista (formado em Direito)
• Luiz Fernando Furlan, ex-ministro do Brasil e acionista do grupo Sadia
• Shigeaki Ueki, ex-presidente da Petrobrás, formado em Direito
• Carlos Ayres Britto, ministro do STF (mestre e doutor em direito)
• José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil do Brasil (formado em Direito)
• Pedro Venceslau, jornalista e dirigente do PC do B
• Gabriel Chalita, ex-secretário da Educação do estado de São Paulo, atualmente vereador da capital paulista.
• Marisa Orth, atriz (formada em Psicologia]
• Amir Slama, estilista (formado em Administração)
• Rafael Cortez, repórter do CQC - Custe o Que Custar (formado em Jornalismo)
• Reynaldo Gianecchini, modelo e ator (formado em Direito)
• Marcio Ortiz Meinberg, mais conhecido como TAQUARAL, dirigente da União Estadual dos Estudantes de São Paulo (UEE-SP)


Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP)
Rua Ministro Godói, 969 - Bairro: Perdizes
(11) 3670-8000


Gostou do nosso site? Então compartilhe:



 
  Sobre o EncontraPerdizes
Fale com EncontraPerdizes
Anuncie no EncontraPerdizes
Cadastrar empresa no EncontraPerdizes (grátis)


Termos EncontraPerdizes | Privacidade EncontraPerdizes


Bandeira da cidade de São Paulo